2 de maio de 2011

A NATUREZA como JOIA

Ao saber da existência destas duas tribos do norte da Etiópia através da minha  Querida Professora de Arte e Moda - Lucia Isaia, fico emocionada todas as vezes que visualizo estas imagens que hoje trago a vocês.
 
Estas imagens são o resultado de 6 anos de trabalho do fotógrafo alemão Hans Sylvester, que conviveu com as tribos Surma e Mursi numa documentação quase antropológica dos adornos absolutamente deslumbrantes de homens, mulheres e crianças que utilizam a natureza e todas as formas que ela oferece para se enfeitarem motivados apenas pelo desejo de ser belo, de seduzir e de exteriorizar o prazer.
 
 
O resultado deste trabalho virou livro, e nele o fotógrafo conta que essas duas tribos vivem na parte mais baixa do Vale do rio Omo, no sudoeste da Etiópia, região isolada pelas montanhas etíopes ao norte, os pântanos do rio Nilo a oeste, e o deserto do Quênia, ao sul. É um dos lugares mais selvagens e remotos do planeta. 
Numa área de menos de 15 mil quilômetros quadrados vivem 15 tribos, que falam 10 línguas diferentes. No subsolo do vale foram encontrados ossadas humanas de quatro milhões de anos, por isso toda a região é tombada pela Unesco. 

 
As tribos usam os pigmentos coloridos do solo e as flores e folhas das plantas para criar máscaras inusitadas e tão belas que nos deixam deslumbrados. É a arte no seu mais alto grau de pureza.
 
 
“Eles se pintam entre si”, diz o fotógrafo. Cada dia aparecem com uma máscara diferente e se divertem como crianças ao se olharem entre si”.
 
 
O livro de Hans Sylvester faz uma homenagem e um alerta á humanidade sobre um povo que há pouco foi descoberto e já está ameaçado pelo progresso. Pois o rio que percorre o vale terá uma redução para um quinto de seu tamanho com a construção da barragem da Etiópia, e vai acabar com as planícies alagadas, que são essênciais para a agricultura tribal destes habitantes.
 
 

Que Hans Sylvester através deste belíssimo trabalho, consiga fazer com que o mundo se volte para defender estas tribos e conscientizar as autoridades responsáveis, que mudar o local da barragem é bem mais sensato do que destruir a história viva de seu povo. Ou será que eles preferem ter bastante energia para apreciar tudo isso pelo computador?
  
Fotos de Hans Sylvester: livro "Les Peuples de l`Omo".
Prémio Livro do Ano de Fotografia (Paris, 2006)

12 comentários:

  1. Oi Querida Eliana
    Amei este post das fotos de Hans Sylvester!
    Que trabalho lindo! Que história linda! Que criatividade!
    Amei tudo tudinho!Como eles utilizam a natureza com sua mais bela expressão de arte! Tudo isto não pode acabar!!!!!!!!!
    Como defendo os animais , a naturezaminha inteligncia mais desnevolvida é a naturalista, tenho um grande amor por estes povos tão imbuidos de cultura e arte!
    Parabéns pelo seu post!
    Uma joía rara!
    Beijinhos
    Mônica

    ResponderExcluir
  2. Eliana,
    com certeza fiquei impressionado, não só pela beleza como critividade.
    A forma da representação, não tem limites.

    Amanha de manhã tem post do show que fui na sexta se puder dar uma passadinha, talvez vc goste.

    Beijos amore.

    ResponderExcluir
  3. Olá Eliana, post maravilhoso.
    Quantas outras tribos perdidas nao há por aí?
    Fotos impressionantes!!! As pessoas tao serenas e tranquilas...emocionante mesmo!
    Beijos querida e um ótimo dia!

    ResponderExcluir
  4. Oi Eliana querida!!! Bom dia!!!

    Nossa fiquei deslumbrada com essas fotos, como são criativos, pois eles não tem influência de mídia nenhuma, o poder da vaidade!!!!
    Deixa eu usar esse post seu no meu blog, na quinta feira, na tag "Eu vi no blog"???

    Bjos e tenha uma linda semana!!!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Eliana!

    Recebi essas belas imagens ano passado de um grande amigo antropólogo, pensei em até reproduzir uma em tela, mas fiquei só no pensar...

    Excelente post!

    ResponderExcluir
  7. Eu achei fantasticas essas fotos! É lindo ver tanta cultura! A natureza esta ai pra nos dar tudo queprecisamos né?!
    lindo lindo lindo!

    Beijao pra vc e excelente semana!

    ResponderExcluir
  8. uauuuuuuuu,Eliana,

    que espetáculo,
    puros diamantes,
    cheios de cor,de vida,
    de criatividade e com muita verdade...
    amei a sua escolha

    beijinhos com sabor de
    garoa paulistana

    ResponderExcluir
  9. Eliana querida, que lindasss essas imagens, emocionantes, queria ter um quadro assim, lindas demais querida, obrigada por compartilhar e nos alertar para essa conscientização da preservaçao do que há mais de natural nesse planeta. bjinho bom dia!

    ResponderExcluir
  10. Elana que lindo, maravilhoso, diferente! ainda não tinha visto nada igual! amei está postagem!

    ResponderExcluir
  11. Olá Eliana! fiquei super feliz com sua visita no blog! e voltei aqui para te agradecer minha linda! e realmete fiquei deslumbrada com a beleza estanpada nessas fotos, é algo artístico, indescritível....daria um bela exposição.... beijinhos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...